Sentimento desconhecido

Fiquei procurando a inspiração. Ela não me surgiu à mente. Foi triste, pois sei que tenho de escrever sobre o que eu estou sentindo há algum tempo, por mais que isso me mate. É, me mata de medo por dentro pensar nessa possibilidade. Decidir seguir o caminho da espera e enquanto isso, parece que é infinito. Incrivelmente contraditório essa vontade: parece desespero só que ao mesmo tempo, receio. Mas como quero viver um sentimento que eu nem ao menos senti? O que senti foi parecido cujas sensações de borboletas no estômago, fazer coisas por impulso, gritar e agarrar a pessoa simultaneamente; ou seja, a paixão. Tenho medo até de pronunciar a palavra, embora eu desejo muito senti-la. Ficar falando nas entrelinhas também não dá.

O amor: o sentimento mais importante, surreal, incondicional. Definições tantas e ao mesmo tempo, nenhuma. Poderoso para acertar de longe pessoas que jamais se conheceram e egoísta quando não se sabe dosar. É por ele que decidi esperar. Decidi esperar a pessoa certa, no momento certo e estou cometendo o erro de querer apressá-lo. Minha cabeça palpita horas e horas querendo que ele chegue. Não veio porque ainda não está pronto. Eu não estou pronta. Só Deus sabe quando ambos estaremos. Dificíl? Hum, nem te digo. O mais difícil é ver as pessoas ao meu redor se acertando com ele. Umas fazendo as pazes, outras conhecendo-o. O que eu posso fazer agora é viver com o outro sentimento, o da paciência. E assumir isso, me corroeu, mas passou. Desabafar é bom. Desabafar sobre o que você anseia muito e é desconhecido, é melhor ainda.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: